Daniel Marco Blanes – Diretor de Relações Institucionais da Feria Hábitat València

 

Já estávamos todos a precisar do regresso das feiras dedicadas aos seus setores?
Obviamente foram dois anos de pandemia que tiveram o seu impacto no negócio dos eventos e feiras. No entanto, há que ter em conta que tem sido um período de expansão para o setor do Mobiliário, em que as empresas souberam aproveitar uma mudança de hábitos de consumo, e aproveitaram este tempo para renovar e reformar as suas casas. Nesse sentido, as empresas precisam de comunicar as suas novidades e retomar os seus contactos com a sua rede de distribuidores e clientes. As feiras, nesse sentido, e a Feria de Habitàt de València em particular, é o melhor canal para isso.

Que maior ilação podemos retirar das consequências da pandemia nos setores de negócio?
Como disse, no setor do mobiliário causou até um efeito de reativação. O facto de estar confinado em casa fez com que o consumidor se apercebesse da importância da mesma e da necessidade de remodelá-la, mobilá-la, trocar os móveis, etc. Isso reativou o setor, sem dúvida. E tenho a certeza de que o setor do mobiliário
em Portugal também se reativou.

Entretanto, o que mudou na Feira de Valencia?
A Feria de Habitàt de València adaptou-se à situação e começamos a trabalhar ao serviço dos setores de produção e dos nossos setores.
Passado este período, estamos agora em plena capacidade e com magníficas perspectivas para a próxima edição da Feria de Habitàt de València, onde esperamos encher todo o recinto com cerca de 100.000 m2 e mais de mil expositores juntamente com a convocatória do Espaço Cozinha SICI e do Têxteis do Lar Premium da Textilhogar.

Mais do que o impacto na economia local, qual pensa ser o maior impacto da feira este ano?
O maior impacto este ano será com a celebração da Feria de Habitàt de València como mencionei anteriormente. E permitamme destacar o papel muito importante que a indústria portuguesa irá desempenhar, com uma presença marcante de expositores portugueses nas mãos da APIMA, com quem mantemos uma excelente e fluida relação de colaboração e apoio mútuo.

Há mais de 100 anos a organizar feiras e eventos, com o que podem contar os expositores e os visitantes nas feiras este ano?
Estamos ansiosos por uma edição histórica da Feria de Habitàt de València. Neste 2022, convergem múltiplos fatores que apontam para um evento de enorme sucesso e significado para a própria trajetória da histórica Feira Internacional de Móveis de Valência. Vamos criar uma vitrine abrangente em torno de todos os setores que compõem o mobiliário, com mais de mil expositores que ocuparão nove pavilhões e cerca de 100.000 metros quadrados de espaço de exposição na
Feria de Habitàt de València. Há várias razões que explicam isso. Em primeiro lugar, a Feira regressa ao fim de três anos e já vos posso dizer que grande parte do setor escolheu esta feira e este setembro para o lançamento das suas novas coleções. O setor precisava de uma feira como a Hábitat.
Além disso, como sabe, este 2022 é muito especial para toda a comunidade de mobiliário e design, já que Valência comemora o facto de ser a Capital Mundial do Design. A semana da Feria de Habitàt de València, de 20 a 23 de setembro, será o clímax de todo o programa de eventos programados, com a presença dos
designers mais relevantes do momento. Mas é também nesta edição que a Feria de Habitàt de València converge na sua celebração com os setores do mobiliário,
equipamentos e têxteis para o lar, empreitadas, estofos e decoração, através da celebração simultânea em conjunto com o Espaço Cozinha SICI e do Têxteis do Lar Premium da Textilhogar.

Qual é o balanço, mas também quais são as suas
expectativas para este ano que ainda vai a meio?
Um dos grandes pontos fortes da Feria de Habitàt de València vai ser, precisamente, a sua poderosa dimensão internacional. Este ano mais de 25% da nossa montra é internacional, o que significa que um em cada quatro expositores da Feira é estrangeiro, o que mostra o interesse de marcas de países de referência como Itália,
Alemanha, França ou Portugal pela nossa feira. No campo dos visitantes, digo-vos também que estamos a lançar aquela que é talvez a campanha mais poderosa para os compradores, tanto nacionais como internacionais, nos últimos anos. Uma coisa que pode ajudar a perceber é o facto de já termos reservado mais de 3.000 quartos de hotel para compradores convidados. A Feria de Habitàt de València seleciona os compradores mais interessantes dos nossos expositores e convida-os a participar. São compradores de mais de 60 países, entre os quais se destacarão grandes empresas dos Estados Unidos, Portugal, França, Alemanha, Reino Unido, México, Emirados Árabes Unidos e Balcãs. Tudo isso será complementado pelas ações promovidas pela Generalitat Valenciana através do IVACE Internacional e também pelo ICEX, que é organizado pela ANIEME e FEDAI e que permitem a chegada de profissionais com alto poder de compra destes mercados, além de
prescritores e meios de comunicação internacional muito interessados em cobrir a feira. Com tudo o que expliquei acima, esperamos celebrar a melhor Feria de Habitàt de València da última década.