SAVOY RESIDENCE – CASA BRANCA

 

Savoy Residence – Casa Branca é um projeto do atelier RH+ Arquitectos. Com uma área bruta de 3030 m2, insere-se numa área consolidada da cidade do Funchal marcada pela grande heterogeneidade tipológica das edificações envolventes. As significativas variações topográficas e a localização foram determinantes para a conceção deste conjunto maioritariamente habitacional que inclui também uma vertente de Hotel.

Vinte e um apartamentos de luxo compõem este conjunto habitacional, opção que se vê refletida na escolha dos materiais, acabamentos e paleta de cores, tanto no interior como no exterior. O seu desenvolvimento em dois blocos garante um maior desafogo, melhor exposição solar, e melhores possibilidades a nível de vistas. Os volumes dissociam-se da via e dos demais limites do terreno, abrindo espaço para que o edifício assuma a sua presença na envolvente com maior independência, reforçando a sua identidade arquitetónica. Surgem, também assim, áreas verdes ao seu redor, com diferentes características – tanto de utilização comum, como uma utilização privativa, de onde se destaca a sebe que marca a fronteira entre a Rua João Paulo II e o edificado. A criação deste elemento verde teve como objetivo fundir a vivência urbana da envolvente com o novo edificado evitando-se, desta forma, uma fronteira demasiado rígida entre esta coexistência. Este elemento assume ainda grande importância para a vivência espacial dos andares térreos, na relação com a
envolvente próxima. Ainda que parta de uma definição volumétrica mais pura, houve uma desconstrução da mesma, adaptando-a ao local e envolvente. Os panos de parede, que confinam o edifício, ora avançam ora recuam, ou são interrompidos, para dar lugar a vãos e à definição de varandas, que resultam como extensões do espaço interior. Esta desconstrução foi também conseguida através da opção de dar valor estético ao betão, que vê assim a sua função estrutural diluída. A utilização de elementos cerâmicos verticais de grandes dimensões, com padrão de mármore escuro, é o principal elemento que pretende conferir o ar distintivoe luxuoso ao conjunto edificado.