Arquitetura religiosa ganha prémio ArchDaily

Arquitetura religiosa ganha prémio ArchDaily

 

«Pela sua composição e escala foi dado a este espaço um nível de inteligibilidade superior e uma dimensão espiritual, permitindo o diálogo entre o espaço, o indivíduo e o divino»

As capelas Imaculada e Cheia de Graça, de António Jorge Fontes, Asbjörn Andresen e André Fontes, venceram esta semana o prémio ArchDaily na categoria de arquitetura religiosa.

A distinção, atribuída após sucessivas fases de votação pelos leitores do “site” da especialidade mais consultado, dá à cidade e à arquidiocese de Braga o segundo galardão ArchDaily, depois da capela Árvore da Vida, em 2011, assinada pelo mesmo gabinete de arquitetura.

O projeto, de 2016, «focou-se na recuperação da Capela Imaculada Conceição e do coro-alto, transformando-o num espaço reservado aos habitantes do Seminário – a Capela Cheia de Graça», refere uma nota do gabinete de arquitetura Cerejeira Fontes.

«Aproveitou-se o pé direito total do espaço de intervenção e as paredes exteriores do mesmo, deixando a “pele” de pedra existente que se manifesta de forma escultórica em torno das capelas», salienta a descrição.

A capela «ergue-se em madeira, desde a estrutura de suporte até aos planos que lhe conferem o espaço, e é composta por várias peças de madeira, encaixando-se, criando uma estrutura equilibrada que se manifesta como uma floresta à entrada do espaço sagrado».

«A sua copa cria um espaço reservado dedicado aos habitantes do Seminário, e os seus troncos um filtro entre o espaço profano e o espaço sagrado, permitindo ao visitante entregar-se ao espaço, entregar-se à dimensão dos sentidos», assinalam os arquitetos.

O conjunto arquitetónico «cria juntamente com os restantes elementos um espaço de absoluto “silêncio inquieto” remetendo à introspeção, ao mesmo tempo que se destaca por uma «qualidade acústica superior».

No fundo da capela « ergue-se um rasgo em mármore, retroiluminado naturalmente, transportando o espectador para outra dimensão física e espiritual».

«Assim, pela sua composição e escala foi dado a este espaço um nível de inteligibilidade superior e uma dimensão espiritual, permitindo o diálogo entre o espaço, o indivíduo e o divino», conclui a nota.

Entre os cinco finalistas da categoria de arquitetura religiosa do prémio ArchDaily encontrava-se o projeto do altar do santuário de Fátima.

 

Religious architecture wins ArchDaily award

"By its composition and scale this space was given a higher level of intelligibility and a spiritual dimension, allowing the dialogue between space, the individual and the divine"

The chapels Imaculada and Cheia de Graça, by António Jorge Fontes, Asbjörn Andresen and André Fontes, won this week the ArchDaily prize in the category of religious architecture.

The project of 2016 "focused on the restoration of the Immaculate Conception Chapel and the choir, transforming it into a space reserved for the inhabitants of the Seminary - the Capela Cheia de Graça", says a note from the architecture office Cerejeira Fontes.

"The total right foot of the intervention space and the outer walls of the space were used, leaving the existing stone" skin "that sculpturally around the chapels", stresses the description.

The chapel "rises in wood, from the support structure to the plans that give it space, and is composed of several pieces of wood, fitting together, creating a balanced structure that manifests as a forest at the entrance of space sacred".

«Its top creates a reserved space dedicated to the inhabitants of the Seminary, and its trunks a filter between the profane space and the sacred space, allowing the visitor to surrender to the space, surrender to the dimension of the senses», say the architects.

The architectural ensemble "creates together with the rest of the elements a space of absolute" restless silence "referring to introspection, at the same time as it stands out for a" superior acoustic quality ".

At the bottom of the chapel "a marble slice rises, naturally backlit, transporting the spectator to another physical and spiritual dimension".

"In this way, by its composition and scale, a higher level of intelligibility and a spiritual dimension was given to this space, allowing the dialogue between space, the individual and the divine".

Among the five finalists in the category of religious architecture of the ArchDaily Prize was the design of the altar of the sanctuary of Fatima.

 

fotografia by cerejeira fontes arquitetos 

 

Facebook Twitter Google+ Pinterest

Deixe um comentário

×

Log in

×

Inscreva-se para se manter em contato!

Seja o primeiro a conhecer ofertas especiais e acordos exclusivos da Mobiliário em Notícia e dos nossos parceiros.

Check out our Política de Privacidade & Termos de Utilização
Você pode cancelar a assinatura da lista de e-mail a qualquer momento